filmes_296_theclass_06

“Entre les Murs”, (França, 2008)

“O mundo é uma escola
A vida é o circo
Amor palavra que liberta
Já dizia o Profeta”

Inevitável lembrar da música da Marisa Monte.

Durante o filme: decepção, injustiça, sorriso, vontade de levantar do cinema e entrar na escola, compaixão… Tanto sentimento brotando junto e contraditório…

Lembro fácil da escola aqui, como aluna e como professora. A vontade de salvar o mundo, de abrir os olhos, de encontrar saídas.

A sensação que tive é de já ter uma trilha, e na mata fechada que há em volta ninguém se arrisca. Começa do mesmo jeito e acaba do mesmo jeito.

Que outro caminho podemos tentar, descobrir, ouvir, sentir?

Anúncios