– Oi;
– Tchau;
– Bom dia, boa tarde, boa noite;
– Com licença;
– Obrigada;
– Por favor;
– Sorriso;
– Olhar nos olhos;
– Olhar ao redor e perceber o outro (que são muitos);

Se não aprendeu essas expressões de gentileza e boa educação para uma convivência social agradável, cole essa pequena lista na parede do quarto e observe a diferença que há em usá-las!

Se aprendeu, mas esqueceu, experimente ter educação e perceba que ser educado ou gentil não é ser travado, ou obedecer uma regra social, mas é ser leve, bem leve.

Olhe ao redor! Não fique parado na porta de entrada e saída dos lugares! Se você não vai descer: faça o favor de não ficar na porta do ônibus!

Sorria, sorria um sorriso leve, agradeça quando te deixam passar, ofereça para carregar a sacola pesada de quem está em pé no ônibus, deixe o pedestre passar motorista! Você vai chegar antes dele: certeza! Não acelere o carro não 😦

Lembro dos anos em que trabalhei na APAE e em como meus alunos me recebiam às 7h da manhã: BOM DIA! Parecia que o dia acabara de acordar, de nascer dali da boca do menino que sorrindo desejava um bom dia para cada um que chegava na escola!

Pensar nisso é inevitável não lembrar da música da Marisa Monte, que fala de um homem que viveu andando pelas ruas do Rio perguntando: “Gentileza, você tem sido verdadeiramente gentil ultimamente?” e escrevendo palavras de gentileza nos muros da cidade.

Experimente a Gentileza. Experimente olhar todos como se cada um pudesse ser seu amigo de colo, seu primo-irmão, um querido que te entenda muito. Olhe bem: uma dessas pessoas poderia ser um namorado, um amor-da-vida! Poderia ser alguém que te saiba. A vida é feita de encontros, disse Vinícius…

Experimente andar cantando por dentro (mesmo que não tenha mp3), olhar atentamente as ruas da cidade Olhe os olhares… quantas histórias andando, se cruzando, decidindo ou delirando. Quando alguém lhe disser “bom dia”, responda sorrindo.

Experimente a diferença de dizer sorrindo… Bom dia! Obrigada! 🙂

LE-VE-ZA ande por aí, bem leve, na rua, na escola, no trabalho, dentro de casa. Já dizia minha mãe: a boa educação cabe em qualquer lugar!

Bom dia 😉

Anúncios